Com o que você deve se preocupar!

Você já deve ter visto o vídeo do “gordinho do outfit” e a onda do momento, não é mesmo? A viralização deste meme nos traz uma boa reflexão sobre o que realmente importa.

Os vídeos desta nova moda mostram vários adolescentes ostentando roupas e acessórios que custam muito acima do esperado.

O garoto da esquerda da foto, por exemplo, diz estar vestindo quase 40 mil reais neste vídeo. É mais do que a maioria dos brasileiros ganha em um ano!


Renda familiar per capita no Brasil em 2017 foi de R$ 1.268 por mês, segundo IBGE

“Ah Rufino, qual o problema disso? Se você tivesse milhões na conta também iria querer andar assim!”

É claro que não tenho nenhum problema com o que você ou o gordinho do outfit fazem com seu dinheiro.

Se ele ou os pais têm condições para tal, é bem provável que trabalharam duro para isso e são merecedores desta fortuna.

Apenas citei o caso para compararmos também com o estilo de vida dos maiores bilionários do mundo, como o da direita.

Apresento-lhe Mark Zuckerberg, criador do Facebook e dono de outras redes sociais como Instagram e Whatsapp.

Possui uma fortuna estimada em 71 bilhões de dólares (Forbes 2018) e é o quinto mais rico do mundo, sendo um dos mais jovens da lista.

Ele poderia comprar os mais caros “outfits” do mundo, mas prefere adotar o estilo básico, assim como a grande maioria dos bilionários da lista.

Pesquise sobre o estilo de vida deles e irá se surpreender.

Estes caras estão normalmente à frente de nosso tempo e entendem que não devem perder tempo ligando para a roupa que estão usando ou outros supérfluos que podem comprar.

Preferem gastar tempo e dinheiro contribuindo ao desenvolvimento da nossa sociedade.

Normalmente são grandes filantropos e investem sua fortuna na criação de novas tecnologias que mudam o mundo em que vivemos.

Com isso, fica a minha pergunta. Qual o exemplo você vai seguir?

Quer ser conhecido por usar as marcas mais caras ou prefere trabalhar para construir um legado eterno?

Eu já fiz a minha escolha.

Deixe um comentário