Controle é essencial!

Consegue me dizer o quanto gastou com seus cafezinhos da tarde no ano passado?

Sabe me informar qual percentual de seu orçamento foi empregado em lazer no último mês?

Adaptada de uma ideia de Benjamin Franklin (“beware of little expenses; a small leak will sink a great ship”), esta frase nos lembra que não podemos deixar de lado as pequenas perdas que ocorrem em qualquer processo de nossas vidas.

Um grão de areia parece insignificante quando visto sozinho; mas em conjunto de seus iguais, formam praias paradisíacas.

As pessoas comuns normalmente não veem a importância de se fazer um controle de gastos pessoais detalhado como fazem as grandes empresas.

Usam a desculpa de que não faz sentido anotar “só um lanchinho de 9 reais” ou que “dá muito trabalho”.

Este é um erro recorrente que atrasa a caminhada de muitos que querem atingir a independência financeira.

Pequenas despesas cotidianas podem representar uma grande parcela de seu orçamento mensal sem que você se dê conta. E talvez estes pequenos vazamentos poderiam ser estancados.

“Ah Rufino, mais essa agora? Acha que tenho tempo para ficar anotando tudo que entra e sai do meu bolso?”

Apenas dois minutos por dia são suficientes para realizar seu controle financeiro.

Alguns preferem as planilhas de Excel; mas para os gastos pessoais, eu opto pelos aplicativos para smartphones, já que estão sempre na palma de nossa mão.

Os apps “Mobills” e “GuiaBolso” são duas ótimas opções para você que deseja dar mais este passo em sua caminhada dos milhões.

Experimente utilizar uma destas ferramentas por um mês, detalhando até mesmo seus gastos mínimos.

É provável que o somatório de alguns deles te surpreenda. E então, será possível avaliar quais podem ser evitados ou reduzidos e como simples mudanças de hábitos poderão impactar positivamente sua conta bancária.

Não deixe a preguiça te manter estagnado (mais uma vez). Só conseguimos melhorar aquilo que é medido.

Este post tem um comentário

Deixe um comentário