SMAL11: O ETF das Small Caps

Fala Pobre Mortal! Já ouviu falar sobre o smal11: o ETF focado em Small Caps?

Small Caps são empresas pequenas na bolsa de valores que consequentemente tem um risco maior atrelado, mas também um maior potencial de valorização.

Desde que o fundo foi criado em 2008, seu rendimento foi melhor que o do Ibovespa, por isso é importante entendermos melhor como ele funciona, para tomar assim uma decisão se realmente vale a pena ter em carteira.

O que é o SMAL11?

O Ishares Small Cap Fundo de Índice (SMAL11) foi criado em 2008 com o objetivo de replicar o rendimento do Índice Small Cap (SMLL). O fundo é gerido pela BlackRock e administrado pelo Banco PNB Paribas.

Ele foi criado com o objetivo de aproveitar boas oportunidades na Bolsa de valores, obtendo um bom retorno com essas pequenas empresas.

Para compor a carteira do SMAL11 é preciso seguir algumas regras:

  • O conjunto de empresas na carteira deve representar no máximo 15% do valor de mercado de todas as empresas na Bolsa de Valores.
  • A ação deve ter sido negociada em todos os pregões dos últimos 12 meses.

Vantagens do SMAL11

smal11

1. Diversificação à um baixo custo

 Comprando apenas um ativo você consegue diversificar seu investimentos em mais de 70 empresas de setores diferentes por mais ou menos R$120,00.

2. Praticidade

É muito complicado encontrar empresas pequenas com um bom potencial de valorização e entender como todas funcionam, investindo pelo SMAL11 você terceiriza essa escolha.

Desvantagens do SMAL11

1. Taxas

 Como você está terceirizando seu poder de escolha, você acaba pagando uma taxa administrativa de 0,50% a.a.

2. Alta Volatilidade

Por serem empresas menores, elas acabam oscilando bem mais, tanto pra cima quanto pra baixo, portanto se você não gosta muito de ver seu patrimônio oscilando, esse não é o melhor ativo para escolher.

É sempre bom termos empresas boas com um bom potencial de crescimentos dentro de nossa carteira, mas essa análise muitas vezes pode ser mais complexa, o que viabiliza a terceirização dessa escolha investindo através de um ETF.

Assim como qualquer ativo todos tem seu risco, seus pontos positivos e negativos, então avalie sua estratégia de investimentos antes de realizar qualquer investimento.

Bons investimentos!

Deixe uma resposta